Sobre as duas melhores músicas do último álbum de Wednesday Campanella

tumblr_nv73pwNnlr1qgber8o1_500Não faz muito tempo desde que conheci Wednesday Campanella (ou Suiyoubi no Campanella, para os mais íntimos) e também não conheço muito as músicas deles. Porém, meus caros, existem duas delas vindas do bom álbum Zipang (a capa dele tá aí ao lado) que eu gostaria de falar por estarem sendo um prato cheio pra mim esses dias. Tá bom, não são as faixas mais recentes que a gente tem aí, mas vamo só curtir sem pensar muito porque elas são ótimas. Começando por…

RA

Ta aqui uma música muito boa. A faixa começa bem gostosinha com o instrumental m a r a v i l h o s o, mostrando à que veio. A chegada dos vocais não agregam muito de primeira, e ainda o instrumental falha num momentinho que me deixa triagoniado, sou o único? Mas depois chega o rap que casou muito bem com a música e que ficou ótimo de se ouvir, e a faixa só vai melhorando.

Todo o climax que vai se construindo até o refrão é muito bom, e ele explode com a egípcia japonesa gritando seu icônico LÁ!!! seguido de um instrumental digníssimo que David Guetta nunca irá conseguir fazer. Não satisfeitos, eles desaceleram o instrumental no meio do refrão até que ele pare só pra a vocal gritar um icônico GO! e todo ele voltar ao normal, melhor refrão. Sabe o estranho disso? Os gritos da moça não são a coisa mais vibrante do mundo, não tem muita energia, mas eles fazem o MESMO EFEITO que um grito vibrante e cheio de energia. Eu não posso ser o único que desloca todas as suas atenções pra a música quando o refrão vai chegando só pra absorver os pseudo-gritos maravilhosos.

A música segue repetindo tudo o que já estava incrível e finaliza de ótima forma, mantendo o espírito do ouvinte lá em cima por mais que ela esteja acabando, fazendo a gente querer mais. Olha, to tirando meu chapéu pra Wednesday Campanella aqui.

2suyoubizipang10

E sobre o clipe? Só tenho a dizer que me choca o quão bem produzido isso aqui é. A produção tá muito melhor que merdas vindas do ocidente, sério mesmo. Tá tudo muito bonito visualmente também, desde os movimentos que a KOM_I fica fazendo frequentemente durante todo o clipe até ao visual gráfico que eles colocaram ali. Sem contar que a narrativa é bem interessante. Eu ainda não entendi ela totalmente, mas é alguma coisa sobre uma mulher poderosíssima do egito indo atrás do deus Rá e…bem, pensando melhor, talvez eu não tenha entendido NADA da narrativa, mas confie em mim que ela tá legal…hehe.

2suyoubizipang4
O moça virando ouro concept ficou muito bom, convenhamos. Por mais que eu não tenha entendido muito bem o porquê disso…

Passando da maravilhosa RA, vamos direto para…

MATCH URI NO SHOUJO

(E sim, eu tive que ir atrás do nome dessa música no google)

Eu sei que parece meio radical eu sair de uma música com uma sílaba pra outra do tamanho da falta de vergonha na cara da SM por ter feito o The Velvet, mas vamos pra o que importa né não?

Essa música aqui tem um espírito bem mais calmo que sua anterior, e esse clima é feito de ótima forma. Ela já começa muito bem com um instrumental maravilhoso que Wednesday Campanella sabe fazer maravilhosamente, e chega na vocalista cantando irritantes YUDAYUDAYUDAYUADYAUDYAUDYAUDYAUDYAUDYAUYDAUYD SÉRIO, QUE  PORRA É ESS..NIKONIKONIKONIKONNINIOKNINKONONKNINKONKON PARA COM ESSA MERDA CASSETE. BEM, devo dizer que aturar isso é questão de costume, até por que todo o resto do vocal dela no inicio da música tá muito bonitinho, mas essa foi minha exata primeira reação ao ouvir Match Uri no Shoujo, e não posso deixar de falar que o instrumental tá on point?

Aí chegamos no refrão onde obviamente vamos ter um solo de instrumental (vou chamar de solo mesmo se não gostou me processa) que, meus caros, é a melhor coisa que existe. Sério, esse instrumento de sopro (não sei exatamente qual é, me processa de novo) caiu COMO UMA LUVA MARAVILHOSA na música e na minha alma também. Sério gente, aturar ela repetindo as palavras japonesas vale completamente a pena aqui, até por que com o tempo vocês vão estar 100% nem aí pra isso.

Depois de um tempo a gente tem um troço estranho que não combina com a música que é um cara falando GET THE FUCK (eu acho). LET IT RAP LET IT RAP. BOUNCE TO THE RITMO (não sei escrever ritmo em inglês) BOUN-BOUNCE TO THE RITMO. no lugar do que deveria ser o instrumento de sopro (deve ser um saxofone aquilo). Mas, sinceramente? Acho que isso foi pra melhor. Provavelmente os produtores perceberam que muito do que talvez seja um saxofone tocando iria ficar enjoativo. Poderiam ter substituído por outra coisa, mas fazer o que né? Tudo o que importa é que no final da música o instrumento volta pra alegrar nossas vidas e alimentar nossas almas.

Olha, por mais que tenha esses momentos meio chatos nessa música, ela é TÃO boa que nem eles conseguem a estragar, e com o tempo você não vai ficar nem aí pra esses elementos e até vai cantar os GUIRAGUIRAGUIRAGUIRAURAIGGURAIRARGAUIRUIA junto (que nem eu to fazendo agora).

 2suyoubizipang3

E sobre o clipe? Ele tá maravilhoso. Sério, toda essa coisa antagônica da KOM_I estar se machucando feio e logo sem seguida agindo como se fucking nada tivesse acontecido e estar super feliz da vida ficou genial. Não sei como consigo interpretar isso, mas duas coisas me veem na cabeça: Ou quem machuca ela é um cara com quem ela está em um relacionamento abusivo, ou ela tem problemas mentais e tudo aquilo é ela mesma que está fazendo em si mesma de alguma forma, esse último me veio à cabeça mais pela cena final.

Bem, não importando qual das duas tá certa, o clipe tá muito bom, visualmente tudo ficou muito bonito, apesar de simples. Sem contar que a KOM_I tá muito bonita de uma forma bem natural, algo que agrega bastante ao clima do clipe por serem cenas do cotidiano mesmo (cotidianamente a pessoa fica mais natural), e também deixa tudo mais antagônico ainda (coisas ruins acontecendo mas ela tá lá linda e poderosa).

2suyoubizipang8
Vejam ela sorrindo alegremente depois de levar uma garrafada na cabeça e entendam o clima antagônico disso tudo.

O álbum de Wednesday Campanella não foi maravilhoso excepcional incrível fenomenal, mas foi sim um bom álbum com duas música incrível juntas de um acompanhamento visual deslumbrante. Faz nem 2 meses que conheço esse trio e já considero eles bastante só por essas duas músicas, ainda vou conhecer mais deles, e, se algo chamar atenção, falo aqui.

Querem sentir mais do gostinho do Zipang? Aconselharia que ouçam ShakushainMedusaOno Imouto Ko (estão em ordem de preferência), e que passem longe de uran chan, sério, fiz o possível pra não destacar o nome disso que pelo amor de deus.

Um comentário em “Sobre as duas melhores músicas do último álbum de Wednesday Campanella

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s